I n í c i o arrow S e m i n á r i o s · M é d i c o s arrow Desigualdade de Comprimento dos Membros Inferiores
20 de outubro de 2014
Menu Principal
I n í c i o
O · P r o f i s s i o n a l
I n f o r m a t i v o s · M é d i c o s
S e m i n á r i o s · M é d i c o s
Info. às Pessoas Portadoras de Deficiência
E S P E C I A L : B I O É T I C A
W e b · L i n k s
E n t r e · e m · C o n t a t o
B u s c a r · n o · S i t e
Login
Nome de Usuário

Senha

Lembrar login
Esqueceu sua senha?
Usuários Online
 Nós temos 21 visitantes online
Desigualdade de Comprimento dos Membros Inferiores Imprimir E-mail
Carlos Daniel de Garcia Bolze   
26 de dezembro de 2005
Seminário de Ortopedia e Traumatologia
Carlos Daniel de Garcia Bolze
Coordenação: Dr. Luiz Gonçalves Pinto

  esigualdade de Comprimento dos Membros Inferiores


1° Passo = Identificar Causas:

  • Congênitas = Def. femoral, Fêmur curto, hemimelia fibular,...

  • Tumores = Wilms, Displasia fibrosa, Ollier,...

  • Adquiridas = Infecção, fraturas,...

  • Outras = Blount, Perthes, Epifisiólise,...
 

Identificar Sítio da Deformidade:

  • Fêmur;

  • Tíbia;

  • Quadril.


EXAME FÍSICO

  • Coluna;

  • Altura Cristas Ilíacas;

  • Distância umbilical/Espinhas ilíacas - Maléolos
    

RX

  • Escanometria = Chapa desliza sob o pcte = + usado;

  • Teleradiografias = Chapa longa = permite verificar desvios de segmentos e dos eixos;

  • Tomografia;

  • Idade Óssea = Atlas de Greulich e Pyle (Rx mãos e punhos).

     

Estimativa do Comprimento Final

  • Método de Green e Anderson

  • Método de Moseley

3 Medidas de escanometria e Idade Óssea
Traça linha que prevê tamanho membros

TRATAMENTO


  • Compensação no Calçado: Até 2,5cm (SBOT), Sizínio = 3,0cm;



  • Epifisiodeses = Entre 3 e 5 cm, sem desvios de eixo;

  • Podem ser temporária ou definitiva;

  • Phemister = Clássica, aberta;

  • Percutânea com Brocagem apenas = Preferida atualmente (Brocas 7 e 9 mm).



Encurtamento do Lado Normal:

  • Discrepâncias entre 4 e 5 cm;

  • Ilizarov = Encurtamento não deve exceder 20% do tamanho segmento = Risco de Complicações Venosas = Estase. Artérias são mais complascentes.

Alongamento Ósseo:

  • + Utilizado Atualmente;

  • Fixadores monoplanares ou Circulares;



  • Princípios: - Corticotomia = Preservas ao máximo o periósteo e o osso medular;

  • Aparelho deve fornecer Estabilidade ao Osso;

  • Iniciar distração em velocidade 1mm/dia (até 1,5) divididos em 2 ou 4 vezes;



  • Estimular Marcha com carga no membro e fisioterapia para preservar mobilidade articular;



  • Aguardar a Consolidação ápós o alongamento. Taxa é de +- 1 mês para cada 1cm alongado em crianças.

Última Atualização ( 30 de abril de 2008 )
< Anterior   Próximo >
 
Desenvolvido por BLPilla